Dissertação

A dissertação como texto científico é uma modalidade de redação escrita sobre um tema.

Assim sendo, deve conter como fundamento ou pressuposto, apresentar provas e discutir argumentos. Sendo para o efeito fundamental, a definição da questão, o objecto bem como, os objectivos gerais e específicos.

Portanto, é crucial manter ao longo de todo o texto, o rigor científico imutável como princípio fundamental a seguir pelos seus prossecussores.

Entende-se que deverão ser utilizadas um conjunto de regras básicas e procedimentos, gerando um novo conhecimento, uma correção de um anterior.  Por último, um aumento na área de incidência de outros conhecimentos.dissertação dissertação Dissertação –  O Rigor Científico disserta    o 300x200

Assim sendo, o método científico pressupõe-se restritivo, cuidadoso e exigente de modo a formular uma hipótese que venha a ser aceite. Esta hipótese, poderá ser afirmada ou não, dependendo da produção e análise dos resultados.

Por outro lado, a recolha de fontes fidedignas deve ser um pilar na construção da mesma, atribuindo a importância devida á cronologia e hierarquia das fontes bibliográficas. Sendo que, estas devem ser diversificadas ao nível do âmbito do tema e tranversais no tempo.

Em conclusão, é de extrema importância para a comunidade académica, que a escrita seja sustentada num modelo científico, que credibilize o rigor da escrita na dissertação, sem descorar o modelo aconselhado para a área ou tema.

Como modelos exemplificativos de dissertação tem-se por exemplo:

  1. Expositiva cuja intenção é convencer o leitor ou debater posições diferentes;
  2. A  Argumentativa na qual o autor tenta convencer o leitor com uma base de raciocínio e provas sem que haja margem para o leitor tirar suas próprias conclusões;
  3. A  Objetiva é onde o autor defende conceitos universais, já estudados e expressos.

 

 

Dissertação